Pages

quinta-feira, 17 de maio de 2012

Mulungu - Erythrina mulungu


Atendendo à solicitação do meu amigo Felipe Costa, hoje eu apresento a vocês o Mulungu. Não a cidade onde o Felipe nasceu, mas as plantas do gênero Erythrina que popularmente são chamadas de mulungu.


Características Gerais


Existem várias espécies de plantas chamadas popularmente de mulungu ou eritrina. São árvores originárias da América do Sul e no Brasil ocorrem na mata Atlântica, do Espírito Santo até Santa Catarina e também em algumas partes da região Nordeste. Seu tamanho pode variar muito, mas são árvores de médio à grande porte.
Colmeia: O melhor dos blogs



Flores


Suas flores também variam bastante, conforme a espécie, mas geralmente têm coloração vermelho-intenso.

 Colmeia: O melhor dos blogs



Frutos


Seus frutos são em forma de vagem, com cerca de 6 cm de comprimento. Possui propriedades medicinais e a sua raiz é usada como calmante e sedativo. Também é chamada de suinã, sananduva, crista-de-galo, corticeira.
 Colmeia: O melhor dos blogs


Espécies


A árvore mulungu pertence à família das Fabáceas e as espécies mais conhecidas são: Erythrina Velutina, Erythrina Crista-Galli, Erythrina Verna, Erythrina Speciosa, Erythrina Falcata, Erythrina mulungu. Todas estas são chamadas de mulungu.


Uso Medicinal


No Brasil o mulungu é usado há muito como sedativo natural. Diz-se que a erva consegue estabilizar o sistema nervoso central. Em tempos de stress é usada para equilibrar e acalmar os nervos. É também usada como antioxidante; para tonificar, equilibrar e fortalecer o fígado.

O uso do mulungu pode influenciar positivamente a regulação dos ritmos cardíacos. Também pode ajudar a reduzir a tensão arterial. As substâncias químicas existentes no mulungu têm sido estudadas extensivamente. Estas englobam grandes quantidades de flavonóides, triterpenos, e alcalóides. 

Dois estudos indicam ainda que um destes alcalóides, a erisodina, pode ser útil como droga antinicotina, pois foi demonstrado que esta actua como antagonista competitivo e bloqueia os receptores de nicotina. 

O principal remédio natural vendido no mundo inteiro hoje em dia contra o stress e a ansiedade, e como sedativo em geral, é a kava kava. Esta planta, todavia, tem sido sujeita a relatórios negativos nos últimos anos a respeito de possíveis contra efeitos no fígado. Como o mulungu tem os mesmos efeitos calmantes e reguladores do stress (se não melhores), e tem um efeito positivo no fígado, é indicado como o novo substituto da kava kava. Cerca de meia chávena de uma decocção normal da raiz (por dia) deve ser suficiente e seguro.

Colmeia: O melhor dos blogs
Uma decocção é normalmente feita com 1 colher de chá de erva em pó ou com 2 colheres de chá de erva cortada por cada 250 ml de água a ferver. Depois cobre-se a panela ou reduz-se a chama ao mínimo, para que a mistura ferva lentamente durante 20 minutos. Após isto deixa-se arrefecer, coa-se, e consome-se.

Aviso


• O mulungu é um sedativo e pode causar sonolência. 
• Na medicina tradicional a planta é usada para baixar a pressão arterial. Estudos clínicos com animais constactaram efeitos hipotensivos. Recomenda-se, pois, para quem tomar medicamentos para reduzir a pressão arterial (ou se tiver a tensão baixa), o uso do mulungu com a devida precaução e a monotorização regular da tensão .

Fontes






2 comentários:

  1. Bom dia, as folhas sao usadas como cha, gostaria de saber mais.se tem algum efeito sobre as varizes.

    ResponderExcluir

Obrigado pela sua participação!

 

Blogger news

Nº de Visualizações

About